segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Não Existiria

Olho em volta, vejo cada objeto e ser vivo.
Fico me questionando:
Se aquela pedra falasse,
o que ela falaria?
Se aquelas rosas falassem,
o que elas falariam?
E se as paredes tivessem mesmo ouvidos?
Elas ficariam indignadas com cada frase ouvida

E se eu não fizesse tudo que faço?
Eu não teria valor.
E se meus pais não tivessem se conhecido?
Eu não existiria!

Eu seria igual as pedras,
as rosas e as paredes;
Só com uma diferença...

As pedras estão na terra,
as rosas estão plantadas,
as paredes estão firmadas...
E eu estaria aonde?

Apenas não existiria!

Prince Morbido

11 comentários:

Laís disse...

Nossa muito liindo *---*
gostei mesmo!
Quando a gente para e pensa nessas coisas a gente percebe o quanto as escolhas tem poder!

beijos ;*

Pince Morbido disse...

^^ obrigada

Leandro Ribeiro disse...

Nas minhas visitas aos blogs, que se propunham a fazer isto que você escreveu, muitos não consiguiram. E você sim.
"Pince Morbido" nem precisou pedir, mas já estou seguindo.
Muito bom mesmo o teu texto cara, de verdade, parabéns!
Sei que as vezes parece chato, mas se puder dar uma visitinha no meu blog, ficaria muito grato, www.acidadeeeu.blogspot.com

Abraços!

Vini e Carol disse...

Vish, falariam muita coisa cara.
Muito legal seu texto.
Curti.
Boa sorte com o blog.
Abraço.

Allerson disse...

*-* Não existiria será, não da pra saber né, de repente cada pessoa q existe foi Deus q escolheu independente dos seus Pais, ficou mto legal o poemo, simples e poético ^^ continue assim pq ta bom.

www.allersonblogger.blogspot.com

Pantera disse...

O dilema da existência afronta pessoas por todo o mundo, não se restrigindo a algum lugar em especial. As pessoas não gostam de falar a respeito, não tem a coragem, e nem talvez o desprendimento necessário para fazê-lo.

Visite o meu blog e eu linko você:
http://paralaxehiperbolica.blogspot.com

Thalisson Teixeira disse...

Eu existo pq Deus me deu a oportunidade d viver! Isso é o fruto da minha existência.

bullshitrock disse...

Dark...

Faz um sentido tremendo... reflexivo também =D

Naty :) disse...

Acho que as pedras se sentiriam muito injustiçada pelos homens ingratos...
e as rosas?
sei lá...boa pergunta!

Pobre esponja disse...

Aí, provavelmente, existoria a Pedrofilia: estupradores de pedras e afins.

abç
Pobre Esponja

ps: gostei do som é da Pitty, né?

Kélen Henn disse...

E os questionamentos continuam...
Gostei da sua maneira de se expressar, continue escrevendo.

http://codigonegro.blogspot.com/