segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Explicação - Aqui Dentro - PART II

Oi...
Ontem eu postei um poema e hoje é dia de explicação.
Eu vou explicar o poema “Aqui Dentro – PART II”, porque eu estava raciocinando aqui em casa e cheguei à conclusão que deveria ser ele.

Enquanto eu pensava e lia o Aqui Dentro 2, eu percebi uma coisa no Caleidoscópio, na primeira estrofe do Aqui Dentro 2 eu digo assim:

“Tentei e fracassei...
Mas novamente estou aqui
Olha pra mim!
Me ouça!”

Eu fiquei pensando que vocês possam ter relacionado esta estrofe com o caleidoscópio, exatamente porque eu disse que o caleidoscópio foi um fracasso e logo no outro dia eu digo, “Tentei e Fracassei...”.

Mas o aqui dentro 2 quer dizer o fracasso que eu tive no 1 na primeira tentativa, então aqui eu consigo falar com talz pessoa, a qual conversa comigo as vezes, e ela só fala oi e simplesmente vai embora. E eu me vejo só onde eu a reencontro e peço que ela olhe dentro do meu coração, e ela não vê nada, daí eu desisto de mostrar meu coração neste momento, então eu abro minha cabeça e mostro meu cérebro e ela simplesmente vai embora.

Muito obrigado gente continuem lendo os poemas vocês vão gostar sim dos próximos que virão, e não abandonem esta série que está muito boa!

16 comentários:

Angel Ilanah disse...

Curto poesia, você conhece o Adriano Siqueira?.. ele tem ótimos contos sobre vampiros.
Parabens pelo seu blog

Teo disse...

Já está de banner linkado. Agora estou com um pouco de pressa, mas lerei tudo hoje mais a noite.

Nah Muniz disse...

adorei o trecho " tentei e fracassei..."
poesias são legais, rs.
adorei teu blog, to seguindo! :D

beijos

Descarga! disse...

Quando der eu volto aqui. Dei uma lida nos quatro ou cinco primeiros posts, tá bem legal ^^

Comentário extra sobre o layout: Loveless *-*

_________________
www.descargapublica.blogspot.com

Vanessa disse...

Nossa , mt legal o seu blog!
A ultima postagem foi bem tocante, gostei mt e continue assim =)
beijos !

http://atitudescertasdeumagarotaimperfeita.blogspot.com/2009/08/momentos.html#comments

Federal disse...

OW, QUEM É O CARA DO TEMPLATE ALI? :S

Cristina Tosta disse...

Ficou bom o layout do seu blog. Mas cuidado com o português...

"Muito obrigado gente continuem lendo os poemas vocês vão gostar sim e muito dos próximos que viram, e não abandonem essa série que está muito boa!"

Não seria "virão" em vez de "viram"... E "a ver" é separado...
Se possível, peça para alguém ler os seus posts antes de publicá-los. É o que faço para tentar minimizar os erros...

dona_alice disse...

Hm... dando desconto para o que eu posso ter perdido ou entendido errado, eu não entendo como alguém quer mostrar o coração pra alguém quando o único dialogo que se tem com ela é "oi"
Se ela pelo menos dissesse alguma coisa interessante... mas "oi"?!
Enfim...
parabens pelo blog!

maria disse...

Bonito blog!
eu gostei da poesia, vc que escreve mesmo mesmo ?
é bem gotica ne ?
bom, vc escreve mto bem!

passa la ?
http://www.nadaaverpontocom.blogspot.com/

beijos

Claudinho disse...

poesia interressante good man

Lelli Ramz disse...

Oi..


Vivo explicando meus textos e não gosto q expliquem... descobri agora!


Quando lemos> cada um transfere para suas vivÊncias e assim temos um poema de sucesso... visto em todas as faces...

Seu poema é meu texto de vida.. para alguma ou todas as situações...

bjinhus, poemas e explicações

Lelli

Zazá disse...

Gostei, cê sempre coloca umas poesias, poemas e tals, bem explicadinhas e que chamam atenção, to te seguindo ta?
Continue assim.
Se puder passa la no meu.
Fica com Deus :*

Leandro Ribeiro disse...

tá vendo, teu blog tá fazendo sucesso, é muito bom ele. E mais legal ainda voce se habilitar a explicar todas as partes do poema. Prince, você sabe que sou visitante fiel do teu blog, e sobre a questão do fracasso... bem... eu diria que viver é assim mesmo. Será que vale?
Quero saber a sua resposta.


Se você puder dar uma passadinha no meu blog eu ficaria muito grato, www.acidadeeeu.blogspot.com

Abraço.

Na Bagunça disse...

Olá, amigo! Como vai!

Bom...leio seus poemas, mas um poema é passível de várias interpretações. E é isso q é o barato! Quem o escreve, não pode esperar q quem está lendo-o, interprete da forma como o autor espera. Pode haver confusões, interpretações errônias, mas é normal...

Mas achei um barato vc tentar explicar a verdadeira essência de seus poemas.

Vim aqui lhe fazer um convite!

Eu acabei de postar uma parada legal! Adoraria q vc fosse no meu blog e comentasse o meu post. Seu blog tá de parabéns! Continuarei acompanhando!

Grande Abraço!

Juliana Lima disse...

Adorei seu blog!
é misterioso e ao mesmo tempo transparente, é intenso e ao mesmo tempo leve...
parabens!
estou te seguindo.

beijos

Leandro Ribeiro disse...

Olá Prince Morbido, tudo bom?

Estou com um selo para o seu blog, se desejar conferir é só ir lá em meu blog www.acidadeeeu.blogspot.com

Abraço!